https://deco.casafaricrm.com/ContentFiles/7108/1693400191_0.jpg?quality=80&mode=crop&anchor=top&width=1080&height=480
iStock

Crédito à habitação: valor total cai pela primeira vez desde 2018

Em julho de 2023, o montante total dos créditos à habitação desceu para 99,3 mil milhões de euros. Veja os dados do Banco de Portugal.

 

De acordo com dados do Banco de Portugal, em julho de 2023, o montante total de empréstimos para habitação foi de 99,3 mil milhões de euros, menos 100 milhões de euros do que o valor registado em junho do mesmo ano.

Em relação ao período homólogo, os créditos à habitação decresceram 0,1 por cento. Ou seja, a taxa de variação anual para o crédito à habitação foi negativa, algo que já não se verificava desde outubro de 2018. 

Esta queda do stock de empréstimos para habitação deve-se, segundo a mesma fonte, ao aumento das amortizações antecipadas (devido, por exemplo, à facilidade de mobilizar montantes aplicados em PRR para pagar as prestações do crédito ou capital em dívida, ou à isenção de comissões pela amortização antecipada de créditos com taxa variável) e ao abrandamento na procura de crédito à habitação.

Saiba qual é o melhor crédito à habitação para si. Compare as ofertas com o simulador da DECO PROTeste.